Projetos em destaque

Marcos de Propriedade em Odelouca


Designação oficial do projeto: Delimitação e colocação de Marcos de Propriedade em Odelouca


Data de início: 22 de Fevereiro de 2021
Data de conclusão: 22 de Agosto de 2021


Descrição detalhada: O Cadastro Predial é uma das áreas temáticas que requerem a utilização de dados topográficos, e no decorrer no ano de 2021 a LS Engenharia Geográfica esteve envolvida numa grande diversidade de atividades, no domínio do Cadastro Predial. Pela sua dimensão, podemos destacar a demarcação do perímetro da barragem de Odelouca, localizada no distrito de Faro, propriedade esta da empresa Águas do Algarve, S.A.

A empreitada pública previa, no seu caderno de encargos, a aquisição de serviços para delimitação, fornecimento e colocação de marcos de propriedade da albufeira de Odelouca.

Neste sentido, e no decorrer dos 6 meses de execução deste projeto, as duas equipas de trabalho envolvidas recorreram a técnicas de posicionamento por satélite (GNSS) para determinar com rigor a geolocalização de estremas, num território ocupado por aquela que é a segunda maior barragem de aterro de Portugal.

Atendendo à precisão de posicionamento exigida para a execução deste tipo de trabalho, foi necessário garantir sempre a qualidade e intensidade da receção de sinal GNSS, através da instalação de bases emissoras, via rádio, para os recetores GNSS em movimento.

Segundo as normas da Direção Geral do Território, a incerteza máxima admissível para a execução do Cadastro Predial é igual ou inferior a 0,40 metros, pelo que as bases instaladas em zonas elevadas e em locais de coordenadas conhecidas, transmitiram diariamente as correções diferenciais no sistema geodésico oficial, fundamentais para as operações de posicionamento em modo RTK (Real Time Kinematic), assegurando-se assim e de forma instantânea uma precisão sempre superior àquela que é exigida.

Numa região caracterizada pelo relevo acidentado e densa cobertura de vegetação, bem como pelas temperaturas elevadas que se fazem sentir durante a Primavera e o Verão, adotaram-se diferentes estratégias no dia-a-dia de trabalho, desde o corte de vegetação para progressão no terreno, à utilização de pequenos meios náuticos, quer enquanto meios de transporte no interior da represa quer enquanto transporte de material e equipamentos diversos.

No final de Julho de 2021, tinham sido colocados no terreno 1250 marcos de betão, contribuindo definitivamente para a correta identificação das parcelas e resolução de conflitos em relação à sua titularidade.


Desafios: Condições de terreno acidentado com declives muito acentuados e elevada densidade de cobertura vegetal.


Vantagens: Contribuição para a correta delimitação e identificação das parcelas, conduzindo à resolução de conflitos relativos à sua titularidade.


Áreas de intervenção: Levantamentos Topográficos e Cadastro Predial

Fale connosco
crossmenu linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram