Notícias/Eventos

O que é um Levantamento Topográfico?

O pior pesadelo para quem quer dar início a uma obra é sem dúvida o transtorno que pode advir de determinadas situações ou burocracias relativas ao terreno e à construção, pelo que o primeiro passo deverá sempre passar por uma análise prévia do terreno e das condições de construção e por isso recomendamos que, num primeiro momento, proceda a um levantamento topográfico da área.

É através deste que são identificadas as condições e tipo de relevo que o engenheiro terá pela frente antes de se dar início à construção em si. Em seguida, e com base nos dados e informações recolhidas, segue-se a elaboração da planta ou outro tipo de representação gráfica do terreno, sendo que a planta topográfica apresenta deste modo as curvas de níveis e os elementos que compõem a área em questão.

As informações recolhidas através dos levantamentos topográficos, por norma, costumam ser utilizadas por profissionais de diferentes setores, como a geodesia, a engenharia, a arquitetura, a construção civil, entre muitas outras.


Em que consiste a topografia?

A topografia é um termo amplo usado para descrever o estudo pormenorizado da superfície da Terra, o que inclui acidentes como montanhas e vales, rios, ou ainda estruturas artificiais construídas pelo homem.

A qualidade tridimensional da superfície e a identificação de formas de relevo específicas são um dos desígnios da topografia, que atualmente envolve a geração de dados de elevação em formato digital (Modelo Digital de Elevação). Por norma, a representação gráfica do relevo numa carta ou mapa pode ser conseguida através de curvas de nível, tons hipsométricos ou sombreamento do relevo.

Quanto à recolha dos dados necessários à elaboração de uma planta ou carta topográfica de uma dada parcela da superfície terrestre, esta designa-se por levantamento topográfico, sendo o desempenho desta disciplina muito vasto, face às técnicas e metodologias por ela empregues, citando-se o apoio à construção civil no âmbito de grandes obras de engenharia, como é o caso das pontes, das barragens, das linhas férreas e minas, entre outras.

Os levantamentos topográficos seguem assim normas de cartografia oficial, e na sua execução podem ser empregues sistemas topográficos tradicionais e/ou sistemas de posicionamento por satélite (GNSS).

Tudo isto permite que os engenheiros e arquitetos consigam adaptar os seus projetos de acordo com a situação real do terreno em que a obra será realizada. Uma vez com a planta na mão, este tipo de profissionais pode acompanhar com maior detalhe a execução do projeto, bem como o alinhamento e posicionamento da estrutura, identificando assim possíveis deslocamentos.


Metodologia

A verdade é que existem diversas abordagens para estudar a topografia, e os métodos a utilizar dependem da escala e/ou tamanho da área em estudo, da sua acessibilidade e da qualidade do trabalho a ser produzido.

A par da evolução tecnológica que se tem feito sentir nos últimos anos, têm surgido também no mercado novos recursos e ferramentas, que oferecem um tempo de resposta mais reduzido, uma redução também ela significativa dos custos associados à construção e uma qualidade técnica superior, de modo a entregar assim uma maior variedade de opções, adequadas a cada tipo de projeto.

Ainda que a deteção remota tenha permitido acelerar o processo de recolha de dados espaciais através de satélite, avião ou veículo de vôo autónomo (RPA), são os levantamentos diretos (técnicas tradicionais) que permitem alcançar uma maior exatidão posicional, essencial em trabalhos onde é exigido um rigor elevado, como é o caso de operações de nivelamento ou materialização de vértices geodésicos. Neste sentido, e perante trabalhos desta ordem, costumam ser utilizados teodolitos eletrónicos (estações totais) e níveis óticos de elevada precisão.


Tipos de levantamentos topográficos

Consoante o tipo de empreendimento a trabalhar e os motivos pelos quais é necessária uma análise prévia ao terreno, existem diferentes tipos de informação que deverão ser mapeadas, e isso só se torna possível através dos diferentes tipo de levantamentos topográficos que encontra à disposição.

Posto isto, existem vários tipos de análises que poderão ser utilizadas para a medição dos elementos e características da área, de entre as quais se destacam:

  • Levantamento Planimétrico ou Cadastral – caracteriza-se pela medição de projeções horizontais que definem uma determinada área, sendo que este tipo de levantamento é, por norma, utilizado para determinar os limites de um terreno;
  • Levantamento Topográfico – caracteriza-se pela união dos elementos planimétricos e a sua altimetria, tendo por base a determinação das alturas e desníveis do terreno, garantindo assim um mapeamento mais completo da área analisada, que une a medição das projeções horizontais e as diferenças de altura do relevo, permitindo assim estudar com precisão a declividade dos trechos da propriedade antes de dar início ao projeto.


Quais as aplicações práticas dos levantamentos topográficos?

Uma das áreas que necessitam de apoio topográfico de alta precisão, são as obras de engenharia em geral, quer para controlo dos projetos em execução, quer para garantir a segurança de grandes estruturas, tais como pontes e túneis.

O Cadastro Predial é outra das áreas que utilizam dados topográficos. Para isso é necessária a execução de levantamentos topográficos planimétricos como medida de aferição de áreas, da posição de marcos e estremas de propriedades.


De um modo geral, e salientando a importância que um levantamento topográfico de qualidade pode ter para a execução de qualquer projeto de construção, relembramos que a LS Engenharia dispõe de um serviço de topografia focado neste tipo de questões, com uma equipa disponível para si todos os dias.

E porque sabemos que um levantamento topográfico mal feito pode paralisar toda a sua obra, damos a nossa palavra de que os levantamentos topográficos levados a cabo pela nossa equipa são de uma qualidade, rigor e profissionalismo indispensáveis para o sucesso do seu projeto.

Qualquer dúvida que tenha, não hesite em entrar em contacto connosco, não fossemos nós uma referência a nível mundial.

Fale connosco
crossmenu linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram